Manicure

Mãos
•    Hidratar:
•    Massageie as mãos por inteiro com uma generosa quantidade de creme hidratante. Comece pela ponta dos dedos, incluindo as unhas e vá em direção aos pulsos, adicionando mais creme sempre que necessário.
•    Em vez de cortar as cutículas empurre as para trás.

Cutículas
•    Hidratar a cutícula ao máximo, para evitar as dolorosas rachaduras e mantê-las sempre macias. Coloque as unhas de molho em água morna por dez minutos uma vez ao dia, e em seguida aplicar uma fina camada de creme hidratante para manter a hidratação por mais tempo.

Dica Importante:
Para pacientes em tratamento oncológico, o cuidado com a manicura deve ser redobrado, principalmente quando este esta em tratamento de quimio ou radioterapico ou sujeito a tal, do lado do braço afetado.

No Brasil, é costume tirar a cutícula, esse é um procedimento que deve ser evitado ao máximo em pacientes mastectomizadas.

Unhas
•    Lixar as unhas:
As unhas devem ser lixadas sempre a seco; o formato das unhas deve ser sempre o que mais lhe convir e é importante evitar lixar muito os lados, pois pode ferir a cutícula na lateral, o que não é nada bom para a sua saúde. Evite lixar as unhas com o movimento de serrote. Siga sempre uma mesma direção não há uma frequência para lixar as unhas, mas é bom sempre cuidar para que elas não lasquem ou quebrem.

•    Esmaltar as unhas: Sempre após hidratar as cutículas, retire o excesso de creme para melhor fixação da base e do esmalte.
•    Use sempre esmaltes livre de formaldeído ou hipoalérgico.
•    Escolha um esmalte leve e uma base para aumentar a permanência.

Dica Importante:
Tire todo o esmalte velho com um removedor de esmalte. Evite acetona, pois a mesma desidrata as unhas e cutículas.

Cuidados diários para unhas
•    Usar luvas ao lavar pratos e evitar manter as mãos na água por muito tempo que pode levar a infecções fúngicas.
•    Informe o seu médico se você notar sinais de inflamação ou infecção escura ou se sofre escamação.
•    Caso tenha uma manicure profissional tenha seus próprios utensílios esterilizados.
•    Evite unhas artificiais durante a quimioterapia.

Mesmo com todos esses cuidados, lembre-se de sempre consultar seu médico ao primeiro sinal de inflamação.